A carregar Eventos

Teófilo Santos, nascido em Aguiar da Beira, reside em Trancoso desde 2002, licenciado na área de ensino e artes, a sua formação também passou pelo desenho técnico. Além do ensino também se dedica à arquitetura, à proteção patrimonial e promoção turismo de natureza, conhecido como “geocaching”, o que levou a que surgissem os trabalhos agora apresentados, na altura como um desafio apresentado nesta cidade num encontro de praticantes desta forma de conhecer locais.

Apaixonado pela natureza e riqueza patrimonial, gosta de explorar de forma linear expressa nos desenhos e pinturas que tem desenvolvido, sendo esta apenas uma pequena parte dos exemplares que tem concluídos, captados aquando das passagens por terras e lugares do concelho de Trancoso.

Os trabalhos não pretendem seguir uma rotina precisa ou clara, são interpretações do mundo circundante, estudos lineares com técnica de isolamento de sombras, feitos a lápis e caneta com traço tendencialmente simplista, sem buscar a perfeição, mas sim essencialmente captar as linhas fortes e intemporais dos espaços representados, daí o nome “linearidades” – linhas dos espaços com várias idades, histórias, vivências… as que representam hoje o passado e persistirão no tempo…

Esta exposição naquela que considera a sua terra, apenas surgem alguns dos trabalhos relativos exclusivamente a Trancoso, contudo praticamente tem desenvolvido o mesmo tipo de “estudos lineares” um pouco por todas as terras e lugares do concelho, sendo um espaço geográfico, patrimonialmente rico em edificações essencialmente graníticas de teor religioso, habitacional ou de uso público, sendo por si só um desafio pessoal de descodificar mentalmente ao representar para que quem veja identifique esses mesmos locais.

No fundo é uma fuga à habitual visão do que é de todos nós, ou que faz parte da nossa identidade, deixando de lado as telas, que são sempre uma hipótese a ponderar como forma de reprodução destes, ou de outros “esboços” que os visitantes achem pertinentes ou do seu agrado.

“Linearidades” é uma exposição para visitar no Centro Cultural de Trancoso de 28 de julho a 25 de agosto, de segunda a domingo.